Tipos de pessoas que você vai encontrar no Crossfit

Quem nunca viu a modelete do box ou o sabe-tudo? E não só essas figurinhas carimbadas que frequentam o seu box. Existem vários tipos de atletas que fazem Crossfit e que tem o comportamento muito parecido.

Pensando nisso – e analisando os nossos treinos – encontramos alguns tipos de pessoas que você vai encontrar no seu box de crossfit, tudo isso com uma pitada de humor. ou não.Leia abaixo em qual você (ou aquele seu amigo) mais se parecem:

Cross fit

– o SOLDADO UNIVERSAL
É muito fácil você identificar esse cara no seu box. Ele não fala com ninguém, já chega se aquecendo, separa o seu espaço com disciplina e busca quase todos os pesos do box para seu WOD.

Na hora que ele malha, em geral fecha a cara e você consegue enxergar uma cena de filme de guerra, aonde o irmão dele foi raptado e ele está malhando para resgatá-lo no campo de batalha, tudo isso, é lógico com uma trilha motivacional de guerra.

Se ficar de olho, você consegue ver a veia saltando do seu pescoço de tanta força que ele faz. Mesmo com todos os pesos disponíveis ele sempre pergunta se você está usando o peso que está do seu lado, pois ele sempre precisa de mais, mais, mais….

Em geral se veste de camuflados, cinza, pretos e – em algum casos extremos – até moletom com óculos escuros (pois ele acredita que dá uma melhor performance).

 

– o ou a MODELETE
Com seu uniforme do Crossfit é sempre escolhido com mutio cuidado. Tudo combina no look dele ou dela. Combina o tênis com a camiseta e o shorts faz a composição, sempre com o perfume e o cabelo modelado (que a cada exercícios dá uma olhada no espelho ou mesmo na camera do celular).

Nas meninas, os penteados e tranças são sempre diferentes, mesmo que ela treine todos os dias, todo o dia terá um novo penteado, trança, rabo de cavalo ou qualquer modelo que faça o cabelo chamar a atenção.

Um nível mais avançado são os macacões selados a vácuo, e que curiosamente tem um mini zíper no decote para “aumentar o poder” do look. As cores e estampas são as mais chamativas e psicodélicas possíveis.

É impossível não perceber a modelete no Box, pois ela mesma vai cruzar o box mil vezes para que todos notem o seu estilo. Ah, sem falar na maquiagem.

 

– o ESQUECIDO
“O que é ATG? A barra pode ser essa aqui?” Não existe problema nenhum em perguntar ou não saber algo. É para isso que existe o grupo de treinamento. Mas provavelmente você já encontrou um esquecido no seu box.

Ele tem 2 características marcantes: Apesar de praticar a mais de 4 meses, ele ainda não sabe exercícios básicos, inclusive perguntando como realizar o Burpee. A outra característica é a bagunça, ele esquece tudo jogado pelo box. É peso fora do lugar, barra no chão, toalha no meio dos equipamentos, entre outras coisas.

Ele simplesmente esquece que precisa guardar todas as coisas no lugar, e vira e mexe sobra um peso no canto do box ou uma toalhinha entre as caixas.

 

– o FISCAL DE TREINO
Ele é o maior especialista de crossfit de todo o quarteirão. Sabe e lê tudo dos sites oficiais, não-oficiais, blogs, redes sociais, enfim, ele consome quase 24 horas de conteúdo sobre crossfit. Isso, na cabeça dele, o concedeu a carteirinha de mestre-sayadyn-jedi-do-box, e sua missão é auxiliar a todos, não para melhorarem, mas para serem aficcionados por Crossfit como ele.

Em geral ele não faz por mal. Ele só quer passar o conhecimento que ele adquiriu, na mesma intensidade que ele consome. O problema é que ele não treina só para ele, mas fiscaliza o exercício de todo mundo. Mas se isso não bastasse, ele ainda fiscaliza o seu exercício e dá pitaco: “Tá errado”, “Abaixa mais”, “Assim não vai pegar o músculo certo.” entre outras coisas que você vai ouvir.

Sim, é legal no começo, mas muito chato quando isso se torna tão frequente que você cogita mudar os horários do seu treino.

 

Cross fit

– o ZÉ PAPINHO
Chegou a celebridade do box. Faz questão de dar “oi” para todos os brothers e beijinho em todas as meninas. Chega com o seu squeeze oficial do Crossfit games e já vai para o canto conversar com a galera do treino anterior, atual ou qualquer um que esteja dando mole pelo box.

Fala da balada, do treino, do final de semana, do escritório, do bbb, do silvio santos, da netflix, do jantar, do curso que está fazendo, da história do último carnaval, do site que ele descobriu, da nova receita pré-treino que ele faz, da Robertinha no último treino, do novo vídeo da Reebok, do … UFA!

Ele fala tanto que você chega a ficar tonto – e sem entender como ele não cansa de falar ou se ele veio malhar a língua.

 

– o GORDINHO
Ele treina para comer e deixa isso bem claro. É de longe o mais divertido do treino, mas sempre um dos últimos na tabela do WOD. Ele é esforçado, dedicado, mas não o suficiente para ultrapassar a barreira do peso.

Seu condicionamento é notável, e muitas vezes ele pula mais vezes que você e continua correndo enquanto você se cansou. Os exercícios com a barra – ou que usam o peso do próprio corpo – são os seus maiores vilões, e que quase em todo o treino ele tenta mas não performa de uma maneira como ele gostaria.

Sempre leva na esportiva e brinca que é o terceiro mais rápido do box, quando entra na lista das meninas. Esse cara tem 2 caminhos a seguir: nos 3 primeiros meses ele continua sendo o mais querido e divertido do box, mas com resultados abaixo da média; e depois disso – se ele continuar – ele “pega” o gosto pelo desafio e se tornar a referência de dedicação do box.

 

Crossfit

– o ATRASADO
Ele sempre promete chegar no horário, mas nunca consegue. Já entra correndo, joga a mala para o lado e troca de camiseta para o treino. Quase sempre faz o seu aquecimento correndo pois já perdeu os primeiros minutos de aula.

O sorriso amarelo de desconforto deixa claro que ele realmente se atrada sem querer, mas também não faz nada para mudar isso. O chato acontece quando ele chega e pára o treino, ou fica o tempo todo perguntando para o cara do lado “o que rolou antes?”, “Começou agora?”.

Se você for o “sorteado” do dia: boa sorte!

 

– o EFERVESCENTE
Exatamente como um comprimido efervescente, ele chega para a sua aula de teste fazendo muito barulho, todo vestido com roupa de marca da cabeça aos pés, e muuuuuuito expansivo. Dá o máximo no treino como se não houvesse amanhã. Grita no final do cronometro como marca de superação. Enquanto todo mundo faz com barra livre ou no máximo 5kg, ele não se contenta com menos de 25kg.

Você pode se enganar e achar que encontrou ali um soldado universal, e que ele é o novo guerreiro do box. Mas tudo isso acaba na primeira aula, pois ele nunca mais volta e ninguém mais houve falar no nome dele. Ou seja, simplesmente faz barulho e no final some na água.

 

E aí, gostou desse artigo?
Identificou algum dos seus companheiros e amigos do box?
Faltou algum estilo que você sempre encontra no box?

Coloque nos comentários o que achou e se faltou algum “tipo” ou mesmo, dê uma indireta marcando o seu amigo no post.

Dicionário de Treinos Gratuito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *